Alternativas saudáveis para substituir os achocolatados açucarados

De

O consumo dos Achocolatados em pó é grande pelos brasileiros. Produzido comercialmente por diversas marcas que estão representadas a seguir.

Muito consumido pelo sabor atrativo do chocolate, por ser um produto acessível e preparo instantâneo.

Os principais consumidores deste produto são crianças de 4 a 10 anos, porém também é bastante consumido entre jovens e adultos até 25 anos, que o consomem preferencialmente no café-da-manhã.

Porque não o Achocolatado?

O Achocolatado é um produto com grande quantidade de açucares com coloração escura e sabor semelhante ao de chocolate.

Na sua apresentação mais simples, o achocolatado contém cerca de 70% de sacarose ou de outros açúcares e cerca de 30% de cacau em pó. (Varnam, Sutherland, 1997)

A sacarose ou glicose que são comumente os ingredientes mais utilizados nestes produtos, são açúcares de muito fácil absorção o que não é interessante ao consumidor, pois produz um índice glicêmico muito grande na corrente sanguínea que não será “queimado” rapidamente e ficará estocado no corpo na forma de gordura corporal acarretando em ganho de peso, aumento dos triglicerídeos, aumentando os níveis de LDL (colesterol ruim) e a diminuição dos níveis de HDL (colesterol bom).

A seguir a tabela de composição nutricional do achocolatado mais consumido pelos brasileiros na sua versão normal, na tabela da esquerda e em sua versão light, na tabela da direita.

tabela-nut

A versão light do mesmo achocolatado mais popular no país, acima descrito que a marca propõe a diminuição de calorias.

De acordo com a tabela nutricional o produto apresenta menos calorias na sua forma light, porém a quantidade apresentada na segunda tabela (9 gramas – menos de 1 colher de sopa) pelo fabricante é a metade da quantidade da primeira (20 gramas-2 colheres de sopa).

Em entrevistas realizadas em consultórios de nutrição, os consumidores relataram que não há diminuição da quantidade de produto quando prepara na sua forma light. Permanecendo assim o consumo de 2 colheres de sopa tanto para o produto normal como o light. Eles alegam que diminuir a quantidade deixa a preparação “mais fraca” e sem sabor.

Com isso é possível observar que para a preparação do produto na forma light resultaria praticamente na mesma quantidade em calorias da versão normal. Esteja sempre de olho nos rótulos dos alimentos pois essa estratégia é comum.

A quantidade de Fibras apresentada é muito pequena, o que não contribui para que a absorção do produto seja mais lenta.

Outro fator que também é bastante atrativo ao consumidor são os minerais que estão contidos no produto, no caso Cálcio e Ferro, porém a quantidade por porção é muito pequena o que representa apenas 15% das recomendações diárias destes minerais recomendadas à uma dieta de 2000 kcal. Esses minerais são encontrados em abundancia no  leite, em carnes e vegetais.

Na lista dos ingredientes dos produtos da mesma marca:

Nescau Normal
Nescau Normal
Nescau Light
Nescau Light

É possível observar que o ingrediente que vem primeiro nas duas figuras é o açúcar, o que quer dizer que ele é o que tem em maior quantidade nos dois produtos, não descreve se na forma de glicose ou sacarose, mas como já foi descrito o consumo deste produto não é interessante à saúde.

Em busca de resolver o problema do excesso de açúcar e tendo em vista que o público tem se preocupado mais com essa questão de evitar o consumo de sacarose, algumas marcas com foco em produtos naturais produziram alternativas ao consumidor de achocolatados, sem açúcar e com adoçantes artificiais.

Eles são boas alternativas, dependendo do tipo de adoçante que está sendo utilizado no lugar do açúcar.

Segue abaixo outras alternativas para acrescentar ao leite no lugar dos achocolatados açucarados

Frutas

São fonte de vitaminas, minerais, e fibras facilmente encontrada em feiras, supermercados ou até no próprio quintal, a quantidade recomendada para obter as recomendações diárias de vitaminas é de 3 a 5 porções de frutas ao dia.
Acrescentadas ao leite e ligeiramente batidas pelo liquidificador ou mixer já está pronta uma vitamina super nutritiva e sem necessidade de adição de açúcares.
Para tornar a vitamina ainda mais nutritiva também é interessante acrescentar aveia, chia ou sementes de linhaça.

Canela

beneficios-da-canela-cbb-2

Auxilia a digestão, melhorando a absorção dos alimentos e evitando flatulência. Nas infecções respiratórias auxilia pois propriedades antimicrobianas. Estimulante da circulação (efeito termogênico), a canela alivia sintomas do frio e resfriados. Pode aumentar a libido e o estado de disposição no caso de fadiga devido suas propriedades tônicas. Alguns estudos comprovam que tem até efeito de promover melhor absorção sobre o hormônio Insulina.

Café

download

Seu principal componente é a cafeína e  em quantidade moderada, até 400mg/dia , que serve como estimulante da circulação que lhe confere efeito termogênico, potencializa o estado de alerta e tensão, por isso não é recomendado o seu consumo próximo ao horário de dormir e nem pra quem sofre de transtornos de ansiedade e pressão arterial elevada. Exceto para estes o café continua sendo um bom substituto do achocolatado açucarado, principalmente no período matutino para “acordar” o corpo.

Cacau

 É um alimento rico em vitaminas (como vitamina C e vitamina E) e minerais (como cálcio, fósforo, ferro, potássio e sódio), além de conter boas quantidades de fibras. Contém flavonóides ( prebiótico, antioxidante) auxilia no funcionamento do intestino e previne o envelhecimento precoce. Também têm triptofano  que produz serotonina e fenilalanina (neurotransmissores responsável pelo bem estar e humor)

Cacau em barra

cacau-chocolate-810x456

Esta é a forma primária do chocolate. Vendido em feiras ou em lojas de produtos naturais em forma de barra ou ralado pronto para acrescentar em preparações.

Cacau em pó

Existem muitas marcas disponíveis no mercado e para consumir é só acrescentar na preparação.

adocante

Estes produtos não apresentam sabor doce e se o consumidor achar necessário é recomendado o uso com moderação de adoçantes naturais de Stevia ou Xylitol. Clique aqui e veja o post completo sobre adoçantes.

 Com Informações :
Análise do mercado consumidor brasileiro de achocolatados baseado em pesquisa de campo e estratégias de Marketing (Bruna Fontes , Francisco Ladeiras , Mariana Ramalho, Thaísa Sant’Anna). Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).
Achocolatados: análise química (Mércia de Freitas Eduardo*, Suzana Caetano da Silva Lannes). Departamento de Tecnologia Bioquímico-Farmacêutica, Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Universidade de São Paulo
Figuras retiradas dos sites dos próprios fabricantes.

6 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *